Animação IBESO

Tradutor / Translate

2 de agosto de 2011

NÃO DESISTA, NÃO PARE DE LUTAR

2º Dia da Campanha: Semeado a Colheita 01/08/11

Missionária Néia

Igreja Batista - BA

"Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais. Então me invocareis, e ireis, e orareis a mim, e eu vos ouvirei. E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração. E serei achado de vós, diz o SENHOR, e farei voltar os vossos cativos e congregar-vos-ei de todas as nações, e de todos os lugares para onde vos lancei, diz o SENHOR, e tornarei a trazer-vos ao lugar de onde vos transportei." (Jeremias 29: 11 a 14)Buscar ao Senhor, de todo coração todos nós temos problemas, mas temos um espírito que intercede por nós com gemidos inexpremiveis. Se fosse por nós não estarilamos aqui, mas foi Ele quem nos escolheu, ele nos conquistou, seu amor é incondicional, o nosso amor é condicionar.

Nada que façamos pode surpreender a Deus, porque Ele conhece todos os nossos pensamentos. Quando nós estamos passando uma luta, nós pensamos que Deus nos esqueceu, nós ouvimos tantas palavras, tantas profecias, e até parece que nada acontece, a nossa benção demora, mas o tempo de Deus não é o nosso.

No tempo de Jeremias, ele lutou contra um falso profeta a qual andou enganando ao povo com falsas profecias que não eram da parte de Deus, seu nome era Hananias o povo tava no cativeiro, e quem está na luta não quer ouvir que a luta irá continuar, mas quer ouvir que Deus está no controle, que toda a tempestade já está passando.

Nós não somos diferentes daquele povo nós não queremos perguntar a Deus por que estamos passando pelo vale, não queremos compreender o porquê da adversidade, mas para todas as coisas existem um porque e um propósito de Deus e isso nós precisamos compreender.

Hananias dizia ao povo que os setenta anos da profecia dada por Daniel, esta não era verdadeira, que aquele período descrito por ele aconteceria por cerca de dois anos, e todo aquele povo não ia permanecer no cativeiro, mas na verdade esta não era uma profecia de Deus, o povo estava vivendo do comodismo.

Muitas vezes nós nos agradamos das mentiras “santas”, mas Deus está vendo todas as coisas, as obras de Deus são árduas, dói e liberta, quem ama fala a verdade para que feridas sejam saradas.

Este falso profeta enganava o povo dizendo que não era preciso o povo pagar preço algum, ou seja, oração e jejum. Nós não devemos acreditar em tais heresias que andam pregando por aí como: “que venha como estás, e assim permaneçamos”. Nós não podemos aceitar continuar servindo ao mundo e a Deus, é necessário pedir a Deus uma mudança verdadeira.

Aquele povo queria uma profecia, que agradasse a eles, mas Deus não dá vitória de qualquer maneira, existe todo um processo, para que Ele faça tudo novo.

Quem não ora, não semeia, todos nós precisamos de bens materiais, mas a bíblia diz, que devemos primeiramente buscar o reino de Deus e a sua justiça e as demais coisas nos seriam acrescentadas, isso inclui o bens materiais, mas o povo têm se esquecido disso, e só querem buscar a Deus por interesse ou depois que as coisas não saem da forma esperada

Podemos ter a pressa que for, mas o Senhor não, Ele é longânimo, Ele não está preocupado se estamos preocupados, impacientes, o que Ele espera de nós é que ao orarmos e entregarmos em suas mãos nossos problemas e aflições a gente se aquiete e descanse Nele.

De um lado o povo tinha o profeta Hananias que estava a falar ao povo, aquilo que eles queriam ouvir, por outro lado Jeremias o verdadeiro profeta do Senhor, suas profecias, eram coerentes com as profecias já descritas por outros profetas, mas diante de toda aquela situação, Jeremias passou a ser perseguido.

Não podemos fazer da casa do Senhor a empresa que administrarmos do nosso jeito, quem manda na obra é o Senhor. E aquele povo queria ouvir palavras boas, Deus não coloca vinho novo em odre velho, Deus quebra e faz um novo.

Aquele homem perseguiu ao verdadeiro profeta, uma das características do perfil de um verdadeiro profeta é não discutir, ele espera no Senhor, pois, é o Senhor quem o justifica. O povo começou a se levantar contra Jeremias, mas ele disse que se aquele profeta não fosse de Deus ele não iria prevalecer, e em menos de dois anos Hananias morreu. O que não é de Deus, o Senhor arranca, porque Ele não é Deus de confusão.

A pior coisa é quando vemos líderes pregando engano para o povo, Deus quer saber da nossa salvação, onde passaremos nossa eternidade. Que nós não venhamos a buscar a Deus pelo o que Ele pode nos dar, mas que nossa busca seja pelo o que Ele é.

O que adianta o povo buscar a Deus estando com o coração distante? Aquele “profetinha”, não buscava, não orava, apenas dizia o que o povo queria ouvir. Não podemos esperar que alguém mude a nossa vida, pois, só quem pode mudar nossas vidas é Deus e se nós permitirmos que Ele entre em nossas vidas, mas para isso é necessário buscar ao Senhor, ninguém convence o homem do pecado, só o Espírito Santo de Deus faz isso.

O que adianta ter riquezas, bens materiais e viver de fachada se não conseguimos toca o coração de Deus, não podemos medir as bênçãos de Deus pelos bens materiais, mas temos que identificar através do caráter, dos frutos gerados pelo Espírito.

Depois da morte do profeta Hananias o povo ficou abatido, porque a confiança deles estava no homem, ele havia morrido então se lembram do verdadeiro profeta de Deus, Jerermias,

"E ESTAS são as palavras da carta que Jeremias, o profeta, enviou de Jerusalém, aos que restaram dos anciãos do cativeiro, como também aos sacerdotes, e aos profetas, e a todo o povo que Nabucodonosor havia deportado de Jerusalém para Babilônia (Depois que saíram de Jerusalém o rei Jeconias, e a rainha, e os eunucos, e os príncipes de Judá e Jerusalém, e os carpinteiros e ferreiros); Pela mão de Elasa, filho de Safã, e de Gemarias, filho de Hilquias (os quais Zedequias, rei de Judá, tinha enviado a Babilônia, a Nabucodonosor, rei de Babilônia), dizendo: Assim diz o SENHOR dos Exércitos, o Deus de Israel, a todos os do cativeiro, os quais fiz transportar de Jerusalém para Babilônia: Edificai casas e habitai-as; e plantai jardins, e comei o seu fruto." (Jeremias 29: 1 a 5)Ele está no controle da nossa vida, ele tem um propósito em todas as situações a qual estamos passando.

Muitas vezes nós só queremos semear quando a benção chegar a nossas mãos, mas Deus quer nos ver a semear amor, fé, perseverança. Ninguém vai colher aquilo que não planta, Deus queria ensinar aquele povo, mas eles estavam mal acostumados e acomodados, por isso estavam sofrendo.

"Tomai mulheres e gerai filhos e filhas, e tomai mulheres para vossos filhos, e dai vossas filhas a maridos, para que tenham filhos e filhas; e multiplicai-vos ali, e não vos diminuais. E procurai a paz da cidade, para onde vos fiz transportar em cativeiro, e orai por ela ao SENHOR; porque na sua paz vós tereis paz." (Jeremias 29: 6 e 7)

Gerai filhos e esperai o tempo da profecia, continue profetizando, trabalhando, esteja engajado na obra do Senhor, enquanto a profecia não se cumpre, pois, crente parado sem obras é um crente morto não serve pra nada. Ao invés de esperarem o tempo passar, ou olhar para o passado, viva o presente, todos nós estamos cheios de problemas, mas não podemos estacionar, todos nós temos promessas, mas enquanto a nossa promessa não chega, vamos semeando na obra gerando esperando no tempo de Deus.

Deus não quer ninguém em zona de conforto não, nós somos um exército e como exército não podemos estar parados. Se a luta estiver travada é tempo de crescermos, produzirmos chega de colocar obstáculos, quando Deus quer, Ele manda fogo, mas pra isso, é necessário andarmos na Sua presença, temos que crescer, multiplicar e gera benção.

Quem não é o que Deus quer, será o que Deus quiser. Onde houver guerra através da nossa vida teremos que gerar a paz, pois, temos que ser pacificadores, não podemos ser semeadores de contenda não importa onde quer que estejamos.

"Porque assim diz o SENHOR dos Exércitos, o Deus de Israel: Não vos enganem os vossos profetas que estão no meio de vós, nem os vossos adivinhos, nem deis ouvidos aos vossos sonhos, que sonhais; Porque eles vos profetizam falsamente em meu nome; não os enviei, diz o SENHOR. Porque assim diz o SENHOR: Certamente que passados setenta anos em Babilônia, vos visitarei, e cumprirei sobre vós a minha boa palavra, tornando a trazer-vos a este lugar." (Jeremias 29: 8 a 10)

Ele vai cumprir o que prometeu, e não é do dia pra noite, mas para isso, é preciso orar e semear não importa onde estejamos, plante, semeie, pois, no tempo certo Deus vai cumprir o que te prometeu.

"Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais." (Jeremias 29: 11)

Deus tem pensamentos de paz para nos abençoar, então invoquem, peçam, porque Ele nos ouvirá, para isso é necessário tirar a incredulidade e a ansiedade do nosso meio, não adianta choro de ansiedade porque Deus não se abala com qualquer lágrima, mas a lágrima do coração quebrantado e contrito de coração Ele não desprezará, Ele enxugará toda lágrima, Ele não enxugará todas, mas as lágrimas verdadeiras, se orarmos com sinceridade, e com fé para Deus, Ele tem vitória, quem chora com fé para Deus tem resposta, Deus sonda o seu coração. Chore diante Dele, se humilhe diante Dele, pois, só Ele pode colocar um fim em nosso cativeiro. Pense nisso!!!

Nenhum comentário: