Translate

23 de maio de 2011

VERDADEIRO ADORADOR

Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade. (João 4: 23 e 24)

O Pai está à procura dos verdadeiros adoradores, e para se tornar um adorador é necessário ter comunhão, oração, leitura diária da palavra de Deus, é preciso nos humilhar diante da face de Deus, colocar a boca no pó buscando verdadeiramente uma intimidade sincera.

Para que o Senhor comece a agir em nossas vidas precisamos aprender algumas lições como as que estão descritas em Salmos 1.

Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite. (Salmos 1: 1 e 2)

Contra esta palavra não há argumentos nós dependemos de Deus e sua palavra é viva, eficaz e se renova a cada dia nas nossas vidas. Para sermos verdadeiros adoradores, precisamos entregar a Deus todos os dias uma adoração limpa e sem máculas, mas nos dias de hoje a igreja tem perdido o verdadeiro sentido da verdadeira adoração.

Precisamos aprender a meditar na palavra de Deus e orar sem cessar, ao tomarmos decisões temos que ter o hábito de apresentar a Deus nossos caminhos, sonhos, planos e projetos. Será que temos feito isso?

Orai sem cessar. (I Tensalonicenses 5: 17)

Uma verdadeira adoração gera vida, gera transformação e milagres, as bênçãos do Senhor não trazem conseqüências más, veja o que Paulo diz:

"E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus." (Romanos 12: 2)

Nós precisamos ser transformados, para que possamos fazer parte do corpo de Cristo, para isso somos separados, para que possamos testemunhar a mudança que o Senhor nos proporcionou.

E vós também, pondo nisto mesmo toda a diligência, acrescentai à vossa fé a virtude, e à virtude a ciência; E à ciência a temperança, e à temperança a paciência, e à paciência a piedade; (I Pedro 5: 6e 7)

Temos visto em nossa volta muitas pessoas avarentas e isso não agrada a Deus, Ele tem cuidado de nós, até quando estamos dormindo Sua mão está sobre nós e se hoje, estamos de pé é porque o Senhor tem cuidado de nós. Precisamos ser guiados pelo Espírito Santo de Deus, e a igreja precisa aprender isso. Precisamos guardar esta santa palavra nos nossos corações, mas para isso precisamos aprender a nos alimentarmos desta palavra.

Antes de orar, precisamos vigiar, somos soldados de Cristo, então precisamos ter visão de águia, estar a todo tempo em alerta, vigiando, orando e nos revestindo das armaduras de Deus somente desta forma venceremos o pecado e suportaremos as adversidades utilizando das armas que o Senhor nos disponibilizou.

"Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós." (Tiago 4: 7)

O Deus a qual nós servimos é um Deus poderoso, Ele têm muitas bênçãos para nossas vidas, mas para alcançarmos tais bênçãos é necessário resistir às tentações, estando revestidos com as armaduras de Deus.

Hoje temos visto irmãos contra irmãos, mas é preciso entender que a nossa luta não é contra a carne ou sangue, mas é contra o espírito, estamos neste mundo, mas não pertencemos a este mundo, no mundo espiritual há uma guerra travada para nos tirar da posição da presença de Deus.

Nossa carne é tendenciosa ao pecado, e aqueles que cedem as suas tentações e caem no pecado não tem paz, a verdadeira paz está no Senhor. Quando nós pecamos, nós perdemos a comunhão com Deus, e automaticamente perdemos a sensibilidade da presença do Espírito Santo.

Então, o que é gerado quando pecamos?

O pecado gera a paralisação dos nossos sonhos e principalmente dos planos de Deus para nossas vidas, além de gerar medo, angústia, pressão, opressão e por fim depressão.

Muitas vezes, nós corremos de um lado para outro, mas a Bíblia nos orienta que nós não devemos andar ansiosos, pois, a graça de Deus nos basta, além disto, há um tempo determinado para todas as coisas, basta apenas confiarmos em Deus, exercitando nossa comunhão, oração e meditação da palavra de Deus para nossas vidas.

Como vencer o pecado?

1 - Primeiramente, precisamos reconhecer nossos pecados e confessá-los a Deus.

"Lava-me completamente da minha iniqüidade, e purifica-me do meu pecado. Porque eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim." (Salmos 51: 2 a 4)

2 – Para vencer nossos pecados, precisamos nos tornar verdadeiros adoradores.

"Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto." (Salmos 51: 10)

3 - Louve como Paulo e Silas, em meio à adversidade, pois, Paulo e Silas quando foram lançados na prisão, foi através do louvor que Deus fez cair os muros da prisão.

Precisamos crer que se estamos em Cristo, nova criatura somos, estamos vivendo na graça e na presença do Senhor, nós somos livres, mas para gozarmos desta liberdade precisamos estar na presença do Senhor com orações, louvores, meditações na palavra, buscando o conhecimento de Sua palavra e servido a Ele com alegria.

Tome uma atitude, revista-se da presença de Deus, torne-se um verdadeiro adorador de Cristo.

CULTO DA VITÓRIA

Obreiro: Edson

Dia 18/05/11

Nenhum comentário: