Animação IBESO

Tradutor / Translate

13 de maio de 2011

TEMPO DE DEUS

"E aconteceu depois destas coisas, que provou Deus a Abraão, e disse-lhe: Abraão! E ele disse: Eis-me aqui.E disse Abraão a seus moços: Ficai-vos aqui com o jumento, e eu e o moço iremos até ali; e havendo adorado, tornaremos a vós. Então falou Isaque a Abraão seu pai, e disse: Meu pai! E ele disse: Eis-me aqui, meu filho! E ele disse: Eis aqui o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para o holocausto? E disse Abraão: Deus proverá para si o cordeiro para o holocausto, meu filho. Assim caminharam ambos juntos. Mas o anjo do SENHOR lhe bradou desde os céus, e disse: Abraão, Abraão! E ele disse: Eis-me aqui. E chamou Abraão o nome daquele lugar: O SENHOR PROVERÁ; donde se diz até ao dia de hoje: No monte do SENHOR se proverá." (Gênesis 2: 1, 5, 7, 8, 11 e 14)

Quando Deus nos prova, não é que Ele queira nos tirar aquilo que temos, mas é para nos dar aquilo que nós nunca tivemos, veja o exemplo de Abraão, ele matriculou-se na escola da fé aos 75 anos. Nesta idade geralmente as pessoas já estão vivendo uma vida de descanso e querem tranqüilidade. Para a escola da fé não há idade, se não houvesse provas nossa vida seria fácil de mais e muito intendente.

Abraão passou muitas provas e em apenas uma delas foi reprovado, foi quando ele aceitou o pedido de Sarah para que deitasse com Agar sua serva.

Irmãos há provas que nós mesmos causamos para nós de acordo com algumas situações, mas há provas que o Senhor nos permite passar, pois, são enviadas por Ele para que o Seu nome seja glorificado através de nossas vidas. Precisamos compreender que na escola da fé, a prova de hoje será menor que a prova que passaremos amanhã, mas a bênção que Deus está preparando para hoje será menor que a bênção de amanhã.

"Meus irmãos, tende grande gozo quando cairdes em várias tentações; Sabendo que a prova da vossa fé opera a paciência.Tenha, porém, a paciência a sua obra perfeita, para que sejais perfeitos e completos, sem faltar em coisa alguma. E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente, e o não lança em rosto, e ser-lhe-á dada. Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando; porque o que duvida é semelhante à onda do mar, que é levada pelo vento, e lançada de uma para outra parte." (Tiago 1: 2 a 6)

É muito fácil encontrarmos pessoas alegres e felizes por ter conquistado uma bênção, um milagre, realizado um sonho, mas, é quase impossível encontrarmos alguém que esteja alegre quando está passando por alguma prova.

Todas as vezes que nós passamos pela prova, ela pode demorar, mas um dia ela chega ao fim, ou seja, nós podemos estar na prova, mas isso não significa que nós ficaremos estacionados, parados nela o resto de nossas vidas, ela um dia via passar, pode ser hoje, ou manhã nós não sabemos, mas a única coisa que é certa é que ela passará.

Precisamos estar preparados para passar pelas provas, pois, elas virão e não adianta nós queremos buscar explicações e questionar a Deus murmurando, é melhor esperarmos nas promessas que o Senhor nos fez, pois, Ele é fiel para cumprir.

· José era um inocente que estava preso há anos, mas no tempo de Deus, ele deixou de ser um presidiário para tornar-se governador do Egito.

Descanse nas promessas do Senhor, pois, se Ele te fez uma promessa Ele é fiel para cumprir. Dependa unicamente da sua provisão, esta foi a maior lição ensinada ao povo de Israel durante os quarenta anos de caminhada no deserto. Todos os dias o Senhor mandava maná dos céus, a roupa não envelheceu.

E onde Deus manda esta provisão? Onde quer que nós estejamos as bênçãos do Senhor nos acompanharão. Veja Abraão, ele subiu o monte como Deus mandou, e lá o Senhor o abençoou.

· Gideão levou trezentos homens e ganhou a guerra apenas com a voz e cântaros vazios;

· Moisés quando estava conduzindo o povo para sair do Egito, tocou nas águas e o mar se abriu;

E a quem Deus pode mandar provisão? Aqueles que são obedientes a sua palavra, e naqueles e seguem a risca suas orientações.

· Elias foi outro, Deus o levou para o deserto de Queirite para refugiar-se ali durante algum tempo, mas para que Elias ficasse ali, Deus deu ordens aos corvos para que alimentassem a Elias com carne fresca pela manhã e a noite. Depois de um tempo o ribeiro secou e Deus mandou que Elias fosse para Sarepta procurasse uma viúva. Ao chegar encontrou a viúva colhendo alguns gravetos para fazer a última refeição com o filho, então Elias perguntou o que ela tinha, e ela lhe disse que tinha apenas um punhado de farina e uma botija de azeite. Então Elias pediu que fizesse um bolo e o servisse e o que sobrasse ela e o filho comecem. Ela obedeceu a voz do homem de Deus e nem o azeite nem a farinha faltaram em sua panela.

O necessitado, não será esquecido por toda a vida, mas para viver o sobrenatural de Deus é necessário permanecer na posição e esperar no tempo de Deus. Reflita sobre isso.

Nenhum comentário: