Translate

17 de fevereiro de 2011

O VALOR DA OBEDIÊNCIA

"E ACONTECEU que, apertando-o a multidão, para ouvir a palavra de Deus, estava ele junto ao lago de Genesaré; E viu estar dois barcos junto à praia do lago; e os pescadores, havendo descido deles, estavam lavando as redes. E, entrando num dos barcos, que era o de Simão, pediu-lhe que o afastasse um pouco da terra; e, assentando-se, ensinava do barco a multidão. E, quando acabou de falar, disse a Simão: Faze-te ao mar alto, e lançai as vossas redes para pescar. E, respondendo Simão, disse-lhe: Mestre, havendo trabalhado toda a noite, nada apanhamos; mas, sobre a tua palavra, lançarei a rede. E, fazendo. E fizeram sinal aos companheiros que estavam no outro barco, para que os fossem ajudar. E foram, e encheram ambos os barcos, de maneira tal que quase iam a pique." (Lucas 5: 1 - 7)

Este texto fala de um dos maiores milagres relatados na Bíblia Sagrada, Lucas na verdade não era um dos doze apóstolos escolhido por Jesus, mas sim um discípulo e um dos maiores teólogos, pois, todos os relatos foram adquiridos através de pesquisas, ouvindo os testemunhos de Maria, mãe de Cristo, dos discípulos, dos apóstolos e das demais pessoas que O conheceram. Ele pessoalmente não presenciou nada, porém, quem lhe contou as histórias, foi muito preciso e detalhista, acompanhou a Paulo até ao seu martírio.

Lucas conta que estava à beira do lago Genesaré onde havia uma grande multidão quando viram dois barcos na praia e os pescadores lavando suas redes, quando Jesus escolheu o barco de Pedro. Hoje esta palavra é para nós, pois, Jesus nos escolheu para ouvir e não é atoa, pois, se permitires Ele subirá em nosso barco.

Naquela ocasião Pedro havia passado à noite toda tentando realizar sua pesca como de costume, porém, nada conseguiu, mas Jesus lhe disse para voltar e lançar a rede, então Pedro tira o barco da areia e volta ao mar.

O que há de mais nisto? Muita coisa, pois, lugar de barco não é na praia, pois, as fortes ondas poderão destruí-lo, assim como o barco, nossa vida não pode estar estagnada, não podemos ficar parados, pois, Deus não tomará a nossa frente tomando as atitudes a qual deveríamos tomar e não tomamos. Para Deus realizar um milagre em nossas vidas, é necessário que, nós venhamos fazer a nossa parte, porque nós iniciamos e Ele irá finalizar a obra. Precisamos tomar atitude, pois, Deus já mais irá ficar falando o que devemos ou não fazer se na maioria das vezes nós temos plena consciência do que devemos fazer.

Muitos acham que ser cristão é ter em mãos uma lâmpada mágica que após esfregá-la ela nos dará o direito a realizar três pedidos. Deus não é esse gênio da lâmpada, Ele é o Senhor dos Senhores, Ele faz quando quer, e nem sempre fará da forma a qual desejamos.

Davi foi exemplo disto, pois quando pecou com Bete-Seba, onde ela concebeu seu filho e este veio a falecer, porém, antes disto, Davi orou, jejuou, clamou a Deus pela vida daquela criança, porém Deus não respondeu a sua oração.

Então qual tem sido a nossa reação quando Deus nos diz não? Muitos saem da igreja e se rebelam contra o evangelho. Precisamos compreender que diante da soberania de Deus Ele faz quando quer, mas também é necessário que tomemos uma atitude diante Dele.

Quando Jesus disse a Pedro que retornasse ao mar, pois, o mesmo encontrava-se na praia, Jesus nos mostra que Ele não quer ver nosso barco destruído. Pedro voltou ao alto mar, precisamos entender que para termos grandes experiências com Deus é necessário gerar uma comunhão e para ter comunhão é necessário ouvir a voz de Deus sem questioná-lo.

Quando Deus nos manda, é porque Ele nos conhece, Ele conhece nossa estrutura e sabe até onde nós podemos agüentar.

"Mas os que esperam no SENHOR renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão." (Isaías 40: 31)

Deus quer nos dar novas experiências, então lance sua rede ao mar! Jesus disse a Pedro lança a rede para o lado direito. Se Deus mandar faça, obedeça!

Precisamos aprender a confiar em Deus se Ele falou entenda você não precisa ver para crer, na verdade para viver um milagre é preciso crer para ver.

Em Caná durante uma festa de casamento onde o vinho havia acabado, Maria pediu que fizessem tudo o que Jesus ordenasse, e Este pediu que fosse preparadas seis talhas com água, aqueles que foram preparar as talhas levavam apenas água mas quando os anfitriões foram tomar, eles não tomaram uma simples água, eles beberam o melhor vinho.

"Disse-lhes Jesus: Enchei de água essas talhas. E encheram-nas até em cima. E disse-lhes: Tirai agora, e levai ao mestre-sala. E levaram. E, logo que o mestre-sala provou a água feita vinho (não sabendo de onde viera, se bem que o sabiam os serventes que tinham tirado a água), chamou o mestre-sala ao esposo;" (João 2: 7 a 9)

A grande multidão que estava à beira da praia, certamente não acreditava naquela nova tentativa de pesca, mas pela obediência Pedro lançou a rede e quando foi retirá-la ela não estava vazia, mas estava cheia como nunca havia visto antes.

O que podemos aprender com isso? Se queremos viver as maravilhas de Deus e milagres grandiosos em nossas vidas precisamos obedecer, pois, nossa atitude e nossa obediência trará a existência o impossível.

Pedro teve que pedir ajuda para tirar a rede, pois, a fartura a qual Deus o havia submetido era muito grande. Então vamos nos preparar para viver as maravilhas de Deus, e aquela multidão que está à beira da praia irá contemplar o milagre me nossas vidas.

Se obedecermos, Deus fará o milagre, se estivermos com Deus, Ele estará conosco. Toda ação gera uma reação.

"Clama a mim, e responder-te-ei, e anunciar-te-ei coisas grandes e firmes que não sabes." (Jeremias 33: 3)

“Jeremias clama a mim...”, isto gera uma ação. “...responder-te-ei...”, isto gera uma ação;

"Sucedeu que, no momento de ser oferecido o sacrifício da tarde, o profeta Elias se aproximou, e disse: Ó SENHOR Deus de Abraão, de Isaque e de Israel, manifeste-se hoje que tu és Deus em Israel, e que eu sou teu servo, e que conforme à tua palavra fiz todas estas coisas. Responde-me, SENHOR, responde-me, para que este povo conheça que tu és o SENHOR Deus, e que tu fizeste voltar o seu coração. Então caiu fogo do SENHOR, e consumiu o holocausto, e a lenha, e as pedras, e o pó, e ainda lambeu a água que estava no rego." (I Reis 18: 36 a 38)

Elias pediu que Deus se manifestasse, ação. “Então caiu o fogo...”, reação;

É preciso crer que Deus vai fazer quando nós tomarmos uma atitude e sairmos da mesmice.

"Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou." (Romanos 8: 37)

Nós somos os únicos que entramos em uma peleja mais que vencedores, nós não somos qualquer um, nós somos filhos do grande e poderoso Deus, portanto mais que vencedores, a menina dos olhos de Deus, então se levante e tome uma atitude!

O que precisamos? Precisamos ser determinados, só assim nossa vida vai mudar, quando fizermos aquilo que Deus quer para nossas vidas.

Marta disse: “Senhor se Tu tivesses aqui Lázaro não teria morrido...”, mas Jesus queria ir ver seu amigo, porém, Marta mais diz que o defunto é de quatro dias e que já cheira mal. Jesus apenas ordenou que tirassem à pedra.

Existem áreas em nossas vidas a qual não queremos que Ele nos visite, deixe Deus entrar onde Ele desejar, pois, Ele conhece todas as nossas limitações e se hoje Ele veio lhe visitar, abra a porta e deixe-O entrar. Só Ele sabe o quanto já choramos, não vamos deixar que uma pedra nos afaste de Seu infinito amor, Ele não quer uma pedra em nosso caminho, Ele quer retirar para resolver a situação.

Se desejamos um ano de vitórias, precisamos tomar algumas atitudes verdadeiras, não vamos deixar nos iludir com falsos pensamentos de que somos fracos.

"Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte." (II Coríntios 12: 10)

Queremos vitória? Então sejamos obedientes, façamos o que Deus tem nos pedido, nos rendendo à Sua vontade.

Preletor: Pr. Esmair - RJ 16/02/2011

Nenhum comentário: