Animação IBESO

Tradutor / Translate

23 de janeiro de 2011

FÉ E PODER DE DEUS

Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego. Porque nele se descobre a justiça de Deus de fé em fé, como está escrito: Mas o justo viverá da fé. (Romanos 1: 16 e 17) Paulo diz que a fé vem pelo ouvir e o ouvir a palavra de Deus. Muitos cristãos afirmam que conhecem a palavra de Deus, mas não têm valorizado este conhecimento, não têm valorizado esta palavra. Quando as igrejas promovem campanhas para conquistas financeiras, curas, portas abertas, os cultos lotam , porém quando é ministrado estudos da palavra de Deus, poucos se dispõem para buscar o conhecimento que liberta. É necessário colocar Deus em primeiro lugar em nossas vidas, muitos compram bíblias, mas não têm o costume de ler e meditar, suas páginas não chegam nem a envelhecer. No livro de Romanos, podemos ver que ele fala na justificação pela fé em Cristo, pois, é poder de Deus para a salvação para os que crêem. TENDO sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo; (Romanos 5 : 1) A palavra salvação, tem sua origem no grego soteria, transmitindo a idéia de cura, redenção, remédio e resgate; no latim salvare, que significa “salvar”, e também de “salus”, que significa ajuda ou saúde. No tempo do apóstolo Paulo, muitos abriam mão de sua salvação por falta de conhecimento, e hoje não tem sido diferente, pois, poucos têm buscado conhecer a face de Deus. Muitos falam em obediência, mas obedecem a quê ou a quem? Fazem propósitos estranhos como deixar de comer certo alimento, deixar de fazer determinada coisa e acham que estão se consagrando para obter algo material da parte de Deus, mas não é bem assim que as coisas funcionam. Ao examinarmos a palavra de Deus, vemos que os objetivos para uma consagração era a santificação, purificação, remissão de pecados. Mas então o que é necessário para sermos aprovados por Deus? É necessário entender que a palavra de Deus é lâmpada para nossos pés. Lâmpada para os meus pés é tua palavra, e luz para o meu caminho. (Salmos 119: 105) Ela contém os princípios espirituais para a salvação e que nos conduz para a vida eterna. Ó inimiga minha, não te alegres a meu respeito; ainda que eu tenha caído, levantarme- ei; se morar nas trevas, o SENHOR será a minha luz. (Miquéias 7: 8) Quem comete o pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo. (I João 3: 8) Somente o evangelho é poder para nos apontar o caminho que devemos seguir, mas então você questiona: “Pastor eu oro, me consagro, leio o Salmo 23 e o 91 todos os dias isso não é o suficiente para a minha salvação?” Claro que não isso é religiosidade, e religiosidade não nos conduz a salvação. É necessário voltar-se para Deus com um coração puro, um coração adorador, no tempo de Adão após terem pecado, a geração que veio após foi afastando-se de Deus dia após dia, só vemos adoração a Deus na geração de Sete. Quando Jesus se manifestou em nosso meio, o seu principal mandamento era que adorássemos a Deus sobre todas as coisas. Nossas mentes estão tão cauterizadas que ao invés de viver dentro do sistema da igreja, estamos trazendo o sistema do mundo para dentro das igrejas, mesmo sabendo que o mundo jaz no maligno. Ter Deus acima de todas as coisas é diminuir a cada dia para que Ele cresça em nossas vidas acima de todas as coisas. O que vemos hoje são pessoas que estão corrompidas com seus próprios desejos carnais dando tais como os prazeres da carne, o trabalho, novelas, trazendo esses ídolos para nossas vidas, querendo ser como eles, agindo como eles o tempo todo. Deus não precisa deste tipo de servo. E como proceder para obedecer a Deus? É estando todos os dias na igreja? Não! Culto é para adorar e estar em comunhão, mas, além disso, nós precisamos é nos espelhar no Senhor, colocar a sua palavra em prática em casa, no trabalho, dando um testemunho verdadeiro de quem somos. Se a palavra de Deus é luz, é necessário que nossas vidas estejam nesta luz, pois, só Deus tem o poder de transformar vidas. O sermão da montanha nos mostra uma lista das bemaventuranças, mas podemos destacar uma que diz: Bem-aventurados os pobres de espírito, porque deles é o reino dos céus; (Mateus 5: 3) Mas quem são os pobres de espírito? São aquelas pessoas que não são altivas, avarentas, são pessoas vazias de si mesmas, são carentes de Deus e que necessitam ser preenchidas por Ele. Aqueles a qual conseguem esvaziar-se são os que verdadeiramente chamam a atenção de Deus, é necessário que estejamos examinando nossos corações e a palavra diariamente, pois, somos conhecidos como o sal da terra e luz deste mundo, e é necessário que façamos à diferença onde quer que estejamos. Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens. Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; (Mateus 5: 13 e 14) Como será que nós temos nos aproximado de Deus? Será que tem sido somente quando estamos precisando de um socorro? Quando estamos aos prantos? Será que é isso que Deus tem esperado de nós? O que nós temos apresentado a Deus quando acordamos? Muitos têm feito de Deus uma máquina para solução de todos os problemas. Na verdade Deus espera de todos nós um relacionamento íntimo e sincero diante de Sua face. Melhor é ir à casa onde há luto do que ir à casa onde há banquete, porque naquela está o fim de todos os homens, e os vivos o aplicam ao seu coração. (Eclesiastes 7: 2) O homem criou uma barreira que o separa de Deus, um dos maiores propósitos de Deus ao enviar o seu filho Jesus, era reconciliar o homem com Deus. Se o evangelho é poder de Deus e Ele mesmo quis ter comunhão com o homem, então porque nós mesmos nos afastamos desta comunhão? Porque na verdade cada dia que passa estamos mais presos aos nossos pecados e iniqüidades. Muitas pessoas pensam que o fato de estarem na igreja já é o suficiente para a salvação, mas não e bem assim, temos que nos tornar verdadeiros adoradores da face de Deus. Ao iniciarmos um novo ano, fazemos diversos planos, mas muitas vezes deixamos Deus em último lugar, quando na verdade, buscá-lo deveria ser o primeiro de nossa lista. Precisamos nos libertar do marasmo de nossas vidas, já nos acomodamos a viver essa vidinha sem nos preocupar com nossa salvação, nos preocupamos apenas com o hoje e o agora, por isso muitos não têm ânimo para cumprir o ide de Jesus. E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura. (Marcos 16: 15) Necessitamos orar mais, mas nossa oração deve ser: “Deus me orienta como devo proceder em minha vida pessoal, meu trabalho, minha família.” Na volta às aulas, nossos filhos estarão recebendo o “kit gay”, mas porque isso acontecerá? Porque o poder do evangelho não alcançou o povo, o que está faltando é a presença de Deus. Tem crente que acha que isso é apenas o cumprimento da palavra, mas nós não podemos nos conformar com este mundo, que jaz no maligno, temos que tomar uma postura de igreja e como igreja ativa, sendo direcionada pelo Espírito Santo de Deus. Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas, tanto em Jerusalém como em toda a Judéia e Samaria, e até aos confins da terra. (Atos 1: 8) Precisamos trabalhar estudar isso é importante para a nossa sobrevivência, mas também precisamos nos capacitar espiritualmente, para podermos apresentar um testemunho de nossas vidas. Mas que obras eu tenho em minha vida? Qual o testemunho que nós queremos apresentar? O nosso sonho é de ganhar almas na África, mas não conseguimos se quer ganhar o nosso visinho que muitas vezes está sofrendo. É necessário compreendermos que poder é esse que liberta, e trazer para nossas vidas em particular, precisamos deixar de nos enganar pelo nosso conformismo. Mas para isso o primeiro passo é entendermos qual é a nossa posição dentro da igreja, o que temos feito? Se o evangelho é poder de Deus necessitamos testemunhar a Cristo, é necessário que a sua chama esteja acessa dentro de nossos corações para que possamos levar o evangelho se isso não estiver acontecendo, alguma coisa está errada. O evangelho é poder que liberta que transforma vidas, e se ele é poder que transforma, porque eu não consigo ver meu irmão como Deus vê? Por ventura, Deus faz acepção de pessoas? Claro que não! Ele não olha para cor, posição social, mas Ele olha o coração. Em sua última ceia o Senhor Jesus sabia que Pedro o negaria e que Judas com um beijo o trairia, mas ainda sim ceou com todos eles sem fazer acepção. Então, porque ao cearmos só procuramos aqueles mais íntimos, aqueles que possuem algo em comum conosco? Naquele grande dia, muitos serão deixados justamente por não manterem comunhão. Temos que pedir a Deus que nos liberte desta hipocrisia, como igreja do Senhor precisamos ser mais humildes, precisamos quebrar as diferenças e nivelar a todos ao mesmo patamar ao mesmo nível. A razão nos faz aparecer, mas não devemos agir desta forma. Jesus esvaziou-se de si mesmo para uma morte humilhante, uma morte de cruz. Então perca a sua razão, se for necessário pedir perdão, então peça para que a glória de Deus se manifeste em sua vida. Deus não quer saber da sua razão, ele quer saber se você é um seguidor. É necessário estar em paz com Deus e com os irmãos porque desta forma somos libertos, diminuindo para que o Senhor cresça de forma que a Sua paz esteja sobre nós. Se temos este poder que nos liberta temos que nos libertar dos nossos “eus”. Em uma confusão cada um escolhe um lado para defender, mas o verdadeiro filho de Deus chega para fazer a conciliação de ambas as partes, a igreja não pode ser partidária, pois, Jesus é comunhão. Ser uma pessoa religiosa não quer dizer nada para Deus é necessário que nos tornemos em novas criaturas, de um novo nascimento, precisamos meditar mais na palavra, usá-la como espelho para nossas vidas. Meditarei nos teus preceitos, e terei respeito aos teus caminhos. (Salmos 119 : 15) Nosso futuro está nas mãos de Deus e nossas atitudes determinarão nosso futuro. Pense nisso.
EBD – Estudo sobre: Fé e Poder de Deus – Pr. Cláudio. 23/01/11

Nenhum comentário: