Translate

23 de janeiro de 2011

ALIANÇAS

Na época dos juízes existiu uma família que foi habitar na terra de Moabe, os quais os filhos desta família, casaram com mulheres moabitas e habitaram nesta terra durante um período de dez anos, porém, após estes anos, os homens desta família vieram a falecer. Desde muito pequenos, fomos ensinados que durante nossa vida teremos que aprender muitas coisas, iremos adquirir responsabilidades, teremos problemas, e um dia enfrentaremos a morte, porém, essa é a única coisa com a qual nós não sabemos lidar, embora saibamos que ela um dia chegará. E com Noemi não foi diferente, ela havia perdido seu marido e seus dois filhos (homens), a única coisa que havia lhe restado era a fé no Deus a qual servia e duas noras, Orfa e Rute. Noemi decidiu voltar para sua terra, vendo que não tinha mais como permanecer com ambas as noras, ela tentou despedir-se delas, pois, ela não tinha como ter outros filhos. No primeiro momento, Orfa e Rute disseram que ficariam com ela, mas Noemi insistiu que as duas seguisse cada uma com seu povo, Orfa se convenceu e partiu, porém Rute disse que iria com ela onde quer que ela fosse, demonstrando que os votos e aliança que foram feitas a seu esposo, estavam sendo renovadas com sua sogra. E morreu Elimeleque, marido de Noemi; e ficou ela com os seus dois filhos, Os quais tomaram para si mulheres moabitas; e era o nome de uma Orfa, e o da outra Rute; e ficaram ali quase dez anos. (Rute 1: 3 e 4) Porém Noemi disse: Voltai, minhas filhas. Por que iríeis comigo? Tenho eu ainda no meu ventre mais filhos, para que vos sejam por maridos? Voltai, filhas minhas, ide-vos embora, que já mui velha sou para ter marido; ainda quando eu dissesse: Tenho esperança, ou ainda que esta noite tivesse marido e ainda tivesse filhos,Esperá-los-íeis até que viessem a ser grandes? Deter-vos-íeis por eles, sem tomardes marido? Não, filhas minhas, que mais amargo me é a mim do que a vós mesmas; porquanto a mão do SENHOR se descarregou contra mim. Então levantaram a sua voz, e tornaram a chorar; e Orfa beijou a sua sogra, porém Rute se apegou a ela. Por isso disse Noemi: Eis que voltou tua cunhada ao seu povo e aos seus deuses; volta tu também após tua cunhada. Disse, porém, Rute: Não me instes para que te abandone, e deixe de seguir-te; porque aonde quer que tu fores irei eu, e onde quer que pousares, ali pousarei eu; o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus; Onde quer que morreres morrerei eu, e ali serei sepultada. Faça-me assim o SENHOR, e outro tanto, se outra coisa que não seja a morte me separar de ti. Vendo Noemi, que de todo estava resolvida a ir com ela, deixou de lhe falar. (Rute 1: 11 a 18) Com Rute nós aprendemos um princípio de família, união quando ela demonstra fidelidade a Noemi ao dizer-lhe: “onde quer que tu fores, irei eu” além de ter conhecido ao verdadeiro Deus de Judá, pois, antes de Rute servia a outros deuses, devido a cultura dos moabitas. Quando nos casamos, fazemos um juramento de fidelidade e automaticamente uma aliança está sendo feita entre ambos neste momento é formado um princípio muito importante o da fidelidade com nosso esposo. E com Deus será que temos cumprido o princípio da fidelidade? No caso de Rute, ela poderia muito bem ter aceitado a oportunidade de ficar em Moabe e quem sabe se casar de novo, mas ela decidiu fazer uma aliança de fidelidade com sua sogra “onde quer que tu fores irei eu”. Quando nós aceitamos o Senhor Jesus, nós fazemos uma aliança com ele, embora em nossa caminhada nós rompamos nossa aliança com o Senhor, Ele é misericordioso para não romper conosco, ao contrário Ele fica de braços abertos a nossa espera. Hoje o nosso advogado é o Senhor Jesus, embora sejamos falhos o sangue Dele nos purifica e nos justifica diante do Pai, porém, quando Ele voltar não será mais como advogado, mas sim como juiz, para nos cobrar todas as nossas atitudes. Todos nós fomos chamados para servir, mas será que o nosso testemunho tem testificado o nosso respeito? Pesquisas mostram que falamos em média oito mil palavras, mas a grande maioria destas palavras são lamentações, murmurações. Quantos de nós andamos olhando para trás? Quer ser feliz de verdade? Seja fiel a Deus em sua aliança, vivemos lançando palavras ao vento, mas devemos ser mulheres decididas, virtuosas de palavra sim, sim, não, não. Quando o Senhor falar contigo, levanta e anda, não fique na mesmice, obedeça e seja um canal de benção. Ovelha fora da igreja é presa fácil para o diabo. É necessário estar em comunhão, jejum e oração o nosso Deus é Deus de milagres e pode fazer o impossível por sua vida, mas para que isso venha acontecer em nossas vidas é necessário honrarmos nossa aliança, nos amar e esse amor tem que fluir de dentro de nós. Rute teve a oportunidade de voltar atrás para seus antigos deuses, mas ela preferiu continuar seguindo ao verdadeiro Deus, uma mulher de princípios, precisamos nos espelhar nela seguir em frente, sem olhar para trás respeitar a aliança que um dia firmamos com o Senhor Jesus, precisamos buscar intimidade com Deus a cada dia. Em um show de rock é possível ver vários jovens saírem dali, desidratados, dando o seu melhor naquele momento, mas e nós que servimos ao Deus Altíssimo, será que temos honrado? Será que temos dado a Ele o nosso melhor? Jabes era um homem marcado pela dor e pelo sofrimento, mas um dia ele fez uma oração sincera diante de Deus, o Senhor o abençôo e mudou a sua história. E foi Jabez mais ilustre do que seus irmãos; e sua mãe deu-lhe o nome de Jabez, dizendo: Porquanto com dores o Porque Jabez invocou o Deus de Israel, dizendo: Se me abençoares muitíssimo, e meus termos ampliares, e a tua mão for comigo, e fizeres que do mal não seja afligido! E Deus lhe concedeu o que lhe tinha pedido. (I Crônicas 4: 9 e 10) Que confia no Senhor e entrega o seu caminho a Ele, descanse no Senhor, Rute já mais poderia imaginar o que o futuro reservava a ela, a única coisa que ela tinha certeza é que não queria voltar atrás para seus antigos deuses. Nós precisamos sonhar e seguir em frente tendo atitudes de uma mulher virtuosa na presença do Senhor, é necessário ter intimidade com Ele e nos tornamos coluna. A história de Rute começou de forma triste cercada por mortes, mas Deus mudou sua história de acordo com sua escolha. Escolha entregar a sua vida a Deus, pois, Ele mudará a sua história também. E todo o povo que estava na porta, e os anciãos, disseram: Somos testemunhas; o SENHOR faça a esta mulher, que entra na tua casa, como a Raquel e como a Lia, que ambas edificaram a casa de Israel; e porta-te valorosamente em Efrata, e faze-te nome afamado em Belém. (Rute 4: 11) Talvez o seu milagre ainda não tenha chegado, e sua história mudada, mas espere e confie no Senhor, pois, foi Ele quem te gerou, Ele te conhece como ninguém mais a conhece, pois, foi Ele quem te gerou. Creia ! Sonhe! Profetize! Levante-se, para todas as coisas existe um tempo, quem sabe o seu tempo é de agir, quem sabe o tempo do seu pranto já passou, mas você insiste em chorar? Acorda, desperta o Senhor hoje te chama. Lembre-se você carrega sobre sua vida um selo, Deus te chamou para ser uma benção, seja como Rute, siga em frente e seja uma benção. E far-te-ei uma grande nação, e abençoar-te-ei e engrandecerei o teu nome; e tu serás uma bênção. (Gênesis 12 : 2)
1º Encontro: Damas da Graça Preletora: Pr. Cíntia 23/01/11

Nenhum comentário: